Menu

Investir em Professores é orientação da ONU para mudar educação no mundo

Investir nos professores é urgentemente necessário para proporcionar melhores oportunidades a milhões de crianças, jovens e adultos em todo o mundo, afirmaram representantes da ONU, em uma declaração conjunta à imprensa na ocasião do 20° aniversário do Dia Mundial dos Professores, no último dia 5 de outubro.

Uma das principais preocupações em muitos países é a falta de professores. De acordo com uma dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), mais de 1,4 milhão de professores são necessários para alcançar a educação básica universal até 2015.

“Enfrentamos hoje uma crise de aprendizagem global com 250 milhões de crianças que não aprenderam o básico, sendo que mais da metade passaram quatro anos na escola”, afirmaram.

“Um ensino inovador, inclusivo e focado em resultados é fundamental para 2015 e os anos posteriores”, acrescentaram, destacando que o apoio à eficácia dos professores é parte do projeto da agenda de desenvolvimento sustentável pós-2015.

Na declaração, eles pediram investimentos em treinamentos mais rigorosos, melhores condições de emprego, recrutamento de professores com base em qualidade, bem como atrair e distribuir estrategicamente novos professores e talentos, especialmente os jovens e as mulheres de comunidades sub-representadas.

Foi destacado também o apoio ao projeto “Consulta Temática Global sobre a Educação”, que inclui várias ações para dar condições dignas de trabalho aos professores. Além disso, os representantes observaram que a qualidade do ensino depende de como os professores gozam de seus direitos básicos, como a proteção contra a violência, a liberdade acadêmica e a liberdade de aderir a sindicatos independentes.

Fonte: Notícias ONU

voltar ao topo