Menu
Noticias

Noticias (3539)

SINTPq participa de dia nacional de luta contra a "reforma" da previdência

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Na segunda-feira, 19 de fevereiro, trabalhadores e trabalhadoras de todo Brasil promovem um dia de luta contra a "reforma" da previdência. O SINTPq não ficou de fora e nas primeiras horas do dia participou de assembleia e paralisação promovida nas obras do Sirius, maior projeto da ciência brasileira, em Campinas. A mobilização foi promovida pelo Sindicato da Construção Civil, que dialogou sobre os retrocessos da "reforma" com os profissionais envolvidos na obra. Na Replan, refinaria da Petrobras localizada em Paulínia-SP, os petroleiros também paralisaram as atividades e realizaram protesto.

Ao final do dia, os diretores do SINTPq, Márcio Martins, José Paulo Porsani, Filó Santos e Celso Lacroux, participaram de manifestação no Largo do Rosário, no centro de Campinas. O ato teve início às 17h e reuniu mais de mil pessoas, que seguiram pelas ruas do centro até a prefeitura municipal.

Na capital paulista, os movimentos fecharam trechos das rodovias Régis Bittencourt, no Km 274, e Dutra, no Km 214. Metroviários distribuíram materiais em defesa da aposentadoria nas estações Jabaquara, Itaquera, Brás, Barra Funda, Luz, Tamanduateí e Capão Redondo. No final da tarde, todos os participantes das manifestações promoveram um ato unificado na Avenida Paulista.

Em São Bernardo do Campo, ocorreu desde a madrugada até as primeiras horas da manhã passeata chamada pela Frente Brasil Popular, saindo da frente do Sindicato da Construção Civil. Também no ABC, motoristas de Santo André e Diadema bloquearam diversos terminais. Pistas de trólebus e vias das cidades amanheceram ocupadas pelos trabalhadores.

Em Guarulhos, na grande São Paulo, houve paralisação dos motoristas de ônibus das linhas municipais e intermunicipais, em empresas como Vila Galvão, Real Transportes, Viação Arujá e Viação Campo dos Ouros.

Com povo na rua, Congresso recua

O presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira (MDB-CE), determinou nesta segunda-feira (19) a suspensão da tramitação de todas as propostas de emenda à Constituição (PEC) enquanto vigorar o decreto de intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro, previsto até dezembro. A suspensão atinge mais de 190 propostas em andamento na Casa, entre elas a reforma da Previdência, que só pode ser feita por meio de uma PEC.

Para o presidente da CUT, Vagner Freitas, a decisão do presidente do Congresso é resultado da luta, da garra de trabalhadores e trabalhadoras, que fizeram o enfrentamento, disputaram a narrativa deixando claro que a proposta de Temer não é reforma é desmonte da Previdência pública.

Limpeza Florianópolis
Paralisados, trabalhadores da limpeza urbana realizam assembleia em Florianópolis 

 

bancários pa
Bancários fecharam matrizes do Banpará e do Banco da Amazônia em Belém 

 

fortaleza
Samba da Unidos do Tuiuti anima manifestantes em Fortaleza 

 

Havan
Protesto em frente à sede da Havan em Santa Catarina denúncia dívida à Previdência 

 

Esquina Democrática
Manifestantes na Esquina Democrática, em Porto Alegre 

com informações e redação de Rede Brasil Atual e CUT

Leia mais ...

Trabalhadores do ABC e SP decretam greve no dia 19 contra “reforma” da previdência

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Profissionais de diferentes categorias estão decretando greve no dia 19 contra a “reforma” da previdência. Em São Paulo e no ABC paulista, motoristas e metalúrgicos já anunciaram a paralisação.

Na quarta-feira (7), várias outras categorias regionais, parlamentares municipais, estaduais e federais, movimentos sociais e populares estiveram presentes na assembleia popular dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, que deflagrou a greve para barrar a proposta de “reforma”, prevista para ser votada entre os dias 20 e 28, como anunciou o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

“É greve dia 19! Se a gente não fizer luta em cada canto desse pais eles vão aprovar a reforma da previdência, que não só acaba com a aposentadoria, mas também desampara os trabalhadores e trabalhadoras nos casos de acidente de trabalho”, destacou o secretário-geral da CUT, Sérgio Nobre.

Ele anunciou o resultado da assembleia dos trabalhadores em transportes de São Paulo, que no mesmo dia aprovaram a greve. “Em cada canto desse país acontecem assembleias de várias categorias para também deflagrar greve! ”

Nobre também informou o resultado da reunião que a CUT e demais centrais tiveram com o deputado Rodrigo Maia nesta quarta (7) para pedir a retirada da proposta da reforma da Previdência da pauta do Congresso Nacional e alertou: “o recado do governo foi bem claro: quando tiverem os 308 votos necessários para aprovar a proposta da ‘deforma' da Previdência vai ser votada e aprovada. Estão ameaçando tirar recursos federais de prefeitos, governadores e vereadores caso não pressionem os deputados para aprovar a reforma”, denunciou.

Governo mexe novamente no texto para forçar a aprovação

No desespero para votar a reforma da Previdência, o relator da proposta, deputado Artur Oliveira Maia (PPS-BA), foi curto e grosso ao apresentar aos jornalistas, na quarta-feira (7) as mudanças de alguns itens no texto da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, que restringe o acesso à aposentadoria.

Segundo ele, três trechos serão modificados, referentes a trabalhadores rurais, dependentes de policiais mortos em serviço e pessoas contempladas com o Benefício de Prestação Continuada (BCP). Mas o parlamentar deixou claro que outras alterações não estão descartadas e poderão ser feitas durante discussão e possível votação a matéria no plenário da Câmara, “contanto que o recuo do governo resulte em votos favoráveis para a aprovação da proposta”.

Com informações de Central Única dos Trabalhadores
Foto: Roberto Parizotti/CUT

Leia mais ...

SINTPq suspende atividades às 16h nesta sexta-feira, dia 19

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Nesta sexta-feira, dia 19, o SINTPq realiza um processo de dedetização em sua sede, na cidade de Campinas. Em função desse procedimento, as atividades do Sindicato serão paralisadas às 16h. O SINTPq retorna ao seu funcionamento normal na segunda-feira, às 8h.

Leia mais ...

SINTPq retoma campanhas salariais em andamento

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Nos primeiros dias do ano, o SINTPq deu prosseguimento às campanhas salariais com data-base em novembro, que não foram concluídas em 2017, e iniciou negociações nas empresas com data-base em janeiro. 

A primeira campanha salarial encerrada em 2018 foi a da Monsanto. No dia 25 de janeiro, os funcionários aprovaram a contraproposta da empresa e encerraram a campanha salarial 2017/18. O novo Acordo Coletivo estabelece reajuste de 2,5% para salários até R$ 8.050,00 e de 1,83%, percentual do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), para remunerações acima desse valor.

Na Cargill, os profissionais recusaram as condições oferecidas pela empresa para o Acordo Coletivo de Trabalho, em assembleia no dia 11 de janeiro. Em relação aos salários, a contraproposta apresentada garantia apenas o reajuste pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), percentual correspondente a 1,83% e abaixo do obtido em todas as campanhas salariais com data-base em novembro.

Após discutirem os itens da proposta, os presentes deliberaram pela recusa das condições oferecidas e definiram as prioridades para a próxima rodada de negociação, sendo elas:

  • • Reajuste de 3% para todos os salários;
  • • Reajuste do Auxílio Alimentação para o valor de R$ 180,00.

Data-base de janeiro

No dia 26 de janeiro, os profissionais da Oxitec rejeitaram a contraproposta da empresa para a campanha salarial 2018. Na visão dos profissionais presentes, as propostas de correção salarial, reajuste no Vale Alimentação e no piso salarial deixaram a desejar. Em função disso, foram definidas as seguintes reivindicações prioritárias para a próxima rodada negocial:

  • • Reajuste salarial pelo IPCA + 3% de aumento real;
  • • Aumento do Vale Alimentação para R$ 200,00;
  • • Mudança do convênio médico e odontológico para a Unimed, com possibilidade de incluir dependentes;
  • • Reajuste do piso salarial para R$ 1.800,00.

O Sindicato comunicou a Oxitec sobre o resultado da assembleia e solicitou nova reunião negocial. Havendo retorno da empresa, os trabalhadores e trabalhadoras serão informados.

Na Amazul, em assembleias nos dias 30 e 31 de janeiro, realizadas nas unidades de São Paulo e Iperó, os profissionais da Amazul rejeitaram a contraproposta aviltante imposta pelo do Ministério do Planejamento para o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) e decretaram estado de greve.

Ao deliberarem estado de greve, os funcionários definiram um prazo para a Amazul obter outra contraproposta junto aos órgãos governamentais que respeite e valorize os trabalhadores. A direção da empresa terá até o primeiro dia útil de março para apresentar novas condições para o ACT 2018.

Caso nenhuma proposta digna de apreciação em assembleia seja apresentada no período determinado, os trabalhadores e trabalhadoras da Amazul poderão paralisar suas atividades por tempo indeterminado.

Confira os resultados das campanhas salariais já concluídas:

Leia mais ...

Campanhas salariais encerram 2017 com resultados positivos

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

A maioria das campanhas salariais com data-base em novembro foi encerrada nas últimas semanas. Em todas elas, ganhos reais nos salários e/ou benefícios foram conquistados. Para 2018, estão previstas assembleias e reuniões negociais durante o início de janeiro, no Instituto de Pesquisas Eldorado, na Oxitec e no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC).

Nas empresas Syntech, SIDI, NXP, CPqD, Daitan e FITec, as remunerações tiveram reajustes acima da inflação do período (2,7%), variando entre 0,3 e 1% de aumento real.

Na FACTI, os salários foram corrigidas pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) e o auxílio refeição obteve 3% de ganho real. A licença paternidade da empresa também foi melhorada, passando de cinco para 10 dias úteis.

Outros avanços nas relações de trabalho foram garantidos em diferentes empresas. Na NXP, por exemplo, um novo benefício foi implementado, o auxílio creche. O adicional terá o valor de R$ 250,00 mensais e será pago para homens e mulheres durante 24 meses, até a criança completar 30 meses de vida.

Uma reivindicação antiga dos profissionais da Daitan também foi alcançada neste ano. A partir de abril de 2018, o valor do auxílio refeição e alimentação poderá ser dividido conforme a preferência de cada funcionário. Além disso, o desconto dos mesmos para cada empregado passará de 10% para 5%.

No CPqD, o novo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) garantiu a liberação de 64 horas referentes aos dias ponte do próximo ano. Dessa forma, os funcionários e funcionárias poderão usufruir os feriados prolongados com seus familiares sem a necessidade de compensar essas horas.

Trabalho conjunto
Todos os avanços alcançados são fruto do diálogo com os trabalhadores, por meio das assembleias de formação de pauta, e dos processos negociais, que exigem muitas reuniões e argumentação.

Cada conquista, antiga ou recente, é resultado desse trabalho. Quando os trabalhadores fortalecem a representatividade do SINTPq, via sindicalização e participação ativa nas campanhas salariais, os resultados obtidos são sempre melhores.

Leia mais ...

SINTPq firma parceria com colônia de férias em Praia Grande-SP

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Pensando no bem-estar de seus associados, o SINTPq fechou parceria com a colônia de férias Firmo de Souza Godinho, mantida pela Federação Paulista de Saúde e localizada na cidade de Praia Grande-SP. Com uma ampla estrutura física e alimentação inclusa no pacote, a colônia poderá ser utilizada pelos sócios do Sindicato com os mesmos preços e condições oferecidas aos trabalhadores da saúde. Confira a seguir os detalhes e como utilizar este novo benefício!

A colônia tem capacidade para atender simultaneamente 192 pessoas distribuídas em 34 apartamentos, sendo dois adaptados para pessoas portadoras de necessidades especiais. O estacionamento possui 25 vagas e conta com fácil acesso para cadeirantes. A colônia tem ainda amplo restaurante, além de salão de jogos e churrasqueira.

A colônia está localizada a 4 minutos a pé da orla da praia e possui fácil acesso para mercados e comércios da região. Para acomodação dos visitantes, o espaço conta com 34 apartamentos de 18 m² com capacidade para hospedar até 6 pessoas cada. Todos são equipados com Ar condicionado, Smart TV, frigobar e banheiro.

Para melhorar ainda mais a experiência de estadia, a colônia oferece aos hospedes café da manhã, almoço e jantar todos os dias, sem nenhum custo adicional.

Para a tranquilidade das mães lactantes e seus bebês, a colônia reserva um espaço exclusivo para o momento da amamentação, que também conta com equipamentos de cozinha para o preparo de refeições para as crianças.

Valores do benefício e como solicitá-lo

A colônia de férias Firmo de Souza Godinho conta com preços especiais para os trabalhadores da Saúde e agora também para os filiados ao SINTPq. Além disso, quanto maior o número de pessoas por quarto, melhor são os valores praticados, considerando a divisão dos custos. Confira a tabela abaixo.

Para utilizar o benefício, o associado deverá entrar em contato diretamente com a colônia pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone (13) 3494-3709. O agendamento será confirmado mediante disponibilidade de vagas e pagamento da taxa de locação. Concluídas essas etapas, o sócio deverá solicitar um voucher junto ao SINTPq pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.. Esse documento será apresentado pelo associado na colônia de férias, ao dar entrada em sua estadia.

Leia mais ...

Confira as novidades das campanhas salariais em andamento

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Nesta semana, o SINTPq realizou assembleias nas empresas FACTI e Venturus e finalizou mais uma campanha salarial. No dia 11 de dezembro, será a vez dos profissionais da Daitan avaliarem a contraproposta da empresa e definirem o desfecho das negociações.

Na FACTI, os funcionários aprovaram a contraproposta da empresa em assembleia na segunda-feira, dia 4. O Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) aprovado garantiu o reajuste dos salários conforme o IPCA do período (2,7%). O auxílio refeição terá, além da recomposição inflacionária, 3% de aumento real. A licença paternidade também será alterada, passando para 10 dias úteis.

A assembleia do Venturus também ocorreu no dia 4 e rejeitou as condições oferecidas pelo Centro. Para a próxima rodada negocial, os trabalhadores reivindicam ganho real nos salários e nos vales de refeição e alimentação, auxílio creche também para homens e aumento no abono anual praticado pela empresa.

A contraproposta apresentada pela Daitan, a ser votada na segunda-feira (11), estabelece reajuste salarial de 3% para todos os salários. O percentual representa 0,3% de ganho real, uma vez que o IPCA do período foi de 2,7%. A empresa também ofereceu melhorias em diversos benefícios já praticados. Cabe agora aos funcionários e funcionárias a decisão sobre a aceitação ou recusa.

Negociações em outras empresas estão em andamento e devem ser finalizadas em breve. Confira abaixo a tabela atualizada das campanhas salariais com data-base em novembro.

Leia mais ...

Confraternização do SINTPq garante dia de lazer para sócios e seus familiares

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Mais de 500 pessoas, entre associados e seus familiares, aproveitaram um dia inteiro de diversão durante a Confraternização SINTPq 2017. O evento aconteceu no último sábado (25), entre 9h e 17h, no Hotel Fazenda Duas Marias. As fotos da festa já estão disponíveis na página do SINTPq no Facebook. Acesse o link e confira!

No começo da tarde, os presentes deram boas risadas com o show da humorista Priscilla Drag, que já participou de programas de TV como o Tudo É Possível (Record), Programa da Eliana (SBT) e Hora do Faro (Record). Com muita irreverência, Priscilla interagiu com os convidados e deixou o ambiente da festa ainda mais descontraído.

Em seguida, foi a vez do cover Dylan Seixas e da banda Putos Brothers levarem diversão e nostalgia para a festa. Cantando os clássicos do grande Raul Seixas, eles colocaram todo mundo pra dançar e prestaram uma bela homenagem ao eterno Maluco Beleza.  

O evento foi encerrado com um sorteio de brindes. Mais de 30 associados sortudos saíram da festa levando diferentes prêmios para casa.

Visando conhecer as impressões dos associados sobre a festa, o Sindicato está promovendo uma pesquisa de opinião. Contribua com o SINTPq deixando suas opiniões e comentários.

A direção do SINTPq agradece a todos os sócios, que participaram da festa e que contribuem durante todo o ano para a manutenção e fortalecimento da instituição. Para os próximos anos, o objetivo do Sindicato é estreitar ainda mais os laços de parceria e confiança com os associados.

Leia mais ...

SINTPq encerra mais duas campanhas salariais vitoriosas

  • Publicado em Noticias
  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Nos dias 21 e 22 de novembro, o SINTPq promoveu assembleias que encerraram as campanhas salariais da NXP e do CPqD. Em ambas, aumentos reais nos salários e novos benefícios foram obtidos.

O Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) fechado na NXP garantiu ganhos reais em todas as faixas salariais. Remunerações até R$ 10.000,00 serão corrigidas pelo IPCA + 1% de aumento real. Salários acima desse valor receberão o IPCA e aumentos reais de 0,7% e 0,8%.

Além dos ganhos salariais, os profissionais da NXP passaram a ter um novo benefício, o auxílio creche. O benefício terá o valor de R$ 250,00 mensais e será pago para homens e mulheres durante 24 meses, até a criança completar 30 meses de vida.

Em relação aos demais tópicos do acordo, o Vale Refeição será corrigido em 6,6%, passando para o valor de R$ 32,00 ao dia, e as férias poderão ser divididas em três períodos.

No CPqD, todos os funcionários terão reajuste de 3% nos salários e benefícios. Como o IPCA do período foi de 2,7%, serão obtidos ganhos reais de 0,3%. Ainda que sutil, o aumento real conquistado representa uma vitória, considerando a difícil situação financeira vivida pela empresa, e abre margem para reajustes melhores nos próximos anos.

Outro resultado positivo do novo acordo é a liberação de 64 horas referentes aos dias ponte do próximo ano. Dessa forma, os funcionários e funcionárias do CPqD poderão usufruir os feriados prolongados com seus familiares sem a necessidade de compensar essas horas.

Há alguns anos, foi conquistada no CPqD a licença maternidade e paternidade de 180 e 20 dias, respectivamente. Com o ACT deste ano, pais e mães que adotarem crianças com até 12 anos de idade passam a ter o mesmo período de licença.

Todos os ganhos reais e novos benefícios alcançados são fruto do diálogo com os trabalhadores, por meio das assembleias de formação de pauta, e dos processos negociais, que exigem muitas reuniões e argumentação.

Cada conquista, antiga ou recente, é resultado desse trabalho. Quando os trabalhadores fortalecem a representatividade do SINTPq, via sindicalização e participação ativa nas campanhas salariais, os resultados obtidos são sempre melhores.

O objetivo para 2018 é estreitar ainda mais o relacionamento entre funcionários e Sindicato. Seja sócio e ajude o SINTPq na luta por avanços ainda maiores nas relações de trabalho.  

Leia mais ...
Assinar este feed RSS