CTI Renato Archer e IFSP recebem alunos para matrícula de seu primeiro curso superior tecnológico

01/07/2013

início das aulas previsto para agosto, o curso de tecnologia em Análise de Desenvolvimento de Sistemas será lecionado no período noturno, no CTI Renato Archer, que será um campus avançado do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), que coordenará a graduação. As matrículas da 1ª chamada do Sistema de Seleção Unificada (SISU) aconteceram no dia 25/6. A segunda chamada será no dia 1/7.

O curso superior tecnológico em Análise e Desenvolvimento de Sistemas forma profissionais para a análise, projeto, documentação, especificação, testes, implementação e manutenção de sistemas computacionais de informação. A seleção nacional é realizada através do SISU, que tem 1950 candidatos para este curso, o que faz uma relação de 48,75 postulantes a cada vaga.

Victor Alves Torres obteve a primeira posição na seleção. Natural de Campinas, auxiliar administrativo na Prefeitura da cidade e morador do Conjunto Habitacional DIC VI, o futuro aluno manifestou sua alegria com a aprovação. “Fiquei muito feliz, por ter a oportunidade de fazer um curso de nível superior dentro de um centro de P&D ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação”, ressaltou Victor, afirmando sua aprovação da parceria entre o CTI Renato Archer e o IFSP.
 
Reunião de trabalho e matrículas

Durante todo o dia 25, 17 alunos aprovados no curso em primeira chamada concluíram sua matrícula. Enquanto isso, acontecia uma reunião de articulação e trabalho para a instalação do IFSP em Campinas, já que o planejamento prevê a expansão do Campus do CTI Renato Archer para até 300 alunos e também a construção de uma segunda unidade na cidade, na região do bairro Campo Grande.

Estiveram presentes o Secretário Marco Antonio Oliveira, da SETEC-MEC, o Secretário Osvaldo Duarte - SECIS MCTI, o Deputado Federal Newton Lima Neto, o Reitor do IFSP Eduardo Modena, o Diretor do CTI Renato Archer, Victor Mammana e o Diretor do IFSP, Daniel Sposito.