IPT: SINTPq protocola carta contra fim do recesso de final de ano

09/01/2017

O SINTPq protocolou carta (veja íntegra) solicitando a diretoria do IPT reveja sua decisão de não incluir os dias 26, 27, 28 e 29 de dezembro no calendário de compensação deste ano.

No final de dezembro de 2016, o Sindicato deu publicidade ao resultado da pesquisa de opinião feita com os funcionários do IPT sobre o fim do recesso. Essa foi a pesquisa mais acessada e respondida já feita pelo SINTPq e mostrou que a maioria está insatisfeita com esta decisão unilateral. 98,9% se manifestaram contrários e apenas 1,1% votaram favoráveis em não haver recesso em 2017, como praticado desde 1991.

Nos comentários, o sentimento de revolta é o que mais se observa, uma vez que a infeliz comparação com outras estatais só atinge os profissionais do IPT no ônus, nunca no bônus.

O ano de 2017 se inicia e os IPTeanos e IPTeanas estão ansiosos para que a diretoria volte atrás nessa decisão o quanto antes. Dessa forma, o Sindicato espera que o bom senso prevaleça e os trabalhadores do Instituto não sejam ainda mais penalizados.