Trabalhadores do CTC recusam contraproposta e negociações são retomadas

24/11/2016

Em assembleia realizada ontem (23), os trabalhadores recusaram a contraproposta oferecida pela empresa para a campanha salarial 2016/17. A decisão foi votada às 11h no auditório do CTC.

Para aprovação da proposta, os trabalhadores reivindicam que a recomposição do INPC sobre salários seja realizada de forma única em novembro, e não parcelada conforme proposto pela direção do Centro.

Além disso, a assembleia deliberou a retomada de outras reivindicações já realizadas anteriormente pelos trabalhadores, sendo elas:

-Licença maternidade de 180 dias.

-Contribuição de R$1,00 com o plano de assistência médica na modalidade enfermagem para que o trabalhador possa continuar usufruindo do benefício mesmo após desligamento da instituição.

-Implementação da cesta básica no valor de R$200,00.

Outro ponto abordado na ocasião foi a importância de um representante sindical na empresa para que a comunicação entre Sindicato e funcionários seja cada vez mais eficaz.

O SINTPq buscará a partir de agora uma nova rodada de negociações junto à empresa. Após as conversações, uma nova assembleia será convocada com os trabalhadores da empresa.