SINTPq e Facti discutem política de pós-graduação e compensação de dias ponte

02/04/2014

ta segunda-feira, dia 31, a Facti apresentou ao SINTPq sua proposta para a política de pós-graduação a ser implantada na empresa para os trabalhadores alocados no CTI Renato Archer e no Lanagro. O sindicato discutiu ainda a compensação de dias pontes e recessos para o ano de 2014.

Para a política de pós-graduação, o SINTPq acrescentou duas ressalvas ao texto, sendo:

1. Em caso de parecer negativo à concessão do benefício, o trabalhador poderá apresentar um pedido de reconsideração. Assim, a solicitação deverá ser avaliada novamente;

2. A política de pós-graduação deverá ser discutida com o SINTPq em um ano. Assim, os trabalhadores terão o período para avaliar o funcionamento do benefício. 

A íntegra das informações sobre a política de pós-graduação será disponibilizada pela Facti.

Quanto à compensação de dias pontes e recessos dos trabalhadores da Facti lotados no CTI, o sindicato apresentou sua discordância com a alocação dos minutos extras em banco de horas e solicitou que a Facti considere realizar a mesma compensação aplicada no CTI para os trabalhadores que dependem do fretado.

Já os trabalhadores que não dependem do transporte fretado podem realizar a compensação de acordo com as normas do horário flexível, cumprindo a jornada de 8h15 minutos. Devendo assim todos os trabalhadores desfrutarem integral e igualmente dos dias pontes e recessos. A Facti apresentará uma nova proposta ao sindicato.